A importância da Semana Santa


A Semana Santa é um período sagrado para nós cristãos, quando envolve os últimos momentos de Jesus antes de ser crucificado e ressuscitar, que acontece no domingo de páscoa. Cada dia da comemoração faz referência a acontecimentos da trajetória de Jesus, são eles:

1. Domingo de Ramos: relembra a chegada de Jesus Cristo em Jerusalém. Ele entrou na cidade sagrada montado em um jumento (símbolo da humildade). O povo cortou ramos de árvores e folhas de palmeira para saudar a chegada do Messias.


2. Segunda feira santa: foi um momento de descanso para Jesus. Ele passou horas de tranquilidade na casa do seu amigo Lázaro, de Marta e de Maria Madalena, que banhou seus pés com perfume e enxugou-os com seus próprios cabelos.


3. Terça feira santa: é um dia de tristeza para Jesus, que anuncia sua morte aos apóstolos. Ele afirma que há um traidor no grupo, que no caso seria Judas e também a tríplice negação de Pedro. Apesar de tudo, o Messias compreende o seu destino e manifesta o seu amor por todos, em fidelidade aos planos do Pai.


4. Quarta-feira santa: para Jesus, a nossa relação com Deus deve ser baseada na sinceridade e na transparência. A traição de Judas é anunciada. O discípulo entregou Jesus aos chefes dos sacerdotes em troca de 30 moedas, equivalente ao preço de um escravo.


5. Quinta-feira santa: Jesus Cristo se reúne com os apóstolos para a última ceia. Ele lavou os pés dos 12 discípulos e os encorajou ao amor ao próximo, como maior mandamento. Nesta noite em que reuniu os apóstolos pela última vez, o Messias lhes ofereceu pão e vinho, transformados em seu Corpo e seu Sangue. Nesse dia também ele instituiu a Eucaristia e o Sacerdócio.

6. A sexta-feira santa: Jesus foi preso, açoitado torturado e condenado por Pilatos à crucificação. Além de carregar a cruz nas costas, ele recebeu uma coroa de espinhos na cabeça. O Filho de Deus caminhou até o monte Calvário, onde foi crucificado ao meio-dia, ao lado de dois ladrões. Jesus morreu e seu corpo foi colocado em um sepulcro cavado na rocha.

7. Sábado santo ou de Aleluia: Durante esse dia, Jesus permanece morto e tudo parece perdido. Essa data é importante pois comprova que o Senhor morreu de verdade, ou seja, que não foi uma farsa.

8. Domingo de páscoa: Jesus esteve realmente morto durante todo o sábado, mas ao amanhecer no domingo de Páscoa, ressuscitou. Ele venceu a morte e se levantou de sua sepultura, como um sinal de amor, vida, esperança e misericórdia. Com esta ressurreição, a morte morreu e a vida viveu. Para os cristãos a última palavra não é a morte. A última palavra é a VIDA!


A Semana Santa é o convite de Deus para a aventura de uma vida rica de bênçãos e vitórias. Tudo aconteceu rapidamente, como é a própria vida.

Não podemos perder tempo olhando para trás, remoendo erros e/ou oportunidades perdidas, existe esperança. Esta é a ocasião perfeita para fazer orações, compartilhar mensagens e colocar em prática todos os ensinamentos deixados por Jesus.























43 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
  • Ícone branco do Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • Ícone branco do Facebook

Contate-nos

Endereço

© 2019 por Escola Paroquial

Rua Henrique Dias, 85

CEP: 53413-580 - Paratibe PAULISTA/PE